PROS ganha mais dois Senadores; Telmário Mota e Zenaide Maia filiam-se ao Partido

Deputada federal até esta quinta-feira, Zenaide Maia está entre os 54 senadores que irão tomar posse no Senado nesta sexta-feira, 1º. A parlamentar afirma que sua escolha pelo PROS se deu pela afinidade com os princípios da sigla. “É um partido realmente democrata que pensa como eu no sentindo de que quem criou os poderes foi o povo para ordenar e garantir os seus direitos. O PROS nos dá a liberdade para legislar em defesa da população deste país”, acrescentou.
Foto Reprodução/Facebook

Por site PROS

Em cerimônia realizada nesta quinta-feira, 31, o Senador Telmário Mota de Oliveira (RR) e a Senadora eleita no pleito de 2018, Zenaide Maia (RN) assinaram a ficha de filiação ao Partido Republicano da Ordem Social (PROS).

Na ocasião, Telmário Mota foi escolhido para ser o líder da bancada do PROS no Senado Federal. “O PROS está totalmente inserido neste novo processo político do Brasil. É um partido jovem que está se consolidando. Quero parabenizar ao presidente Euripedes Júnior por sua capacidade de buscar forças importantes para fortalecer o partido e atender a real necessidade do nosso povo”, declarou o senador.

Deputada federal até esta quinta-feira, Zenaide Maia está entre os 54 senadores que irão tomar posse no Senado nesta sexta-feira, 1º.  A parlamentar afirma que sua escolha pelo PROS se deu pela afinidade com os princípios da sigla. “É um partido realmente democrata que pensa como eu no sentindo de que quem criou os poderes foi o povo para ordenar e garantir os seus direitos. O PROS nos dá a liberdade para legislar em defesa da população deste país”, acrescentou.

Ao agradecer aos senadores, o Presidente Nacional do PROS, Euripedes Junior, reforçou a importância da filiação dos parlamentares ao partido. “Quero agradecer a confiança e dizer que estou muito feliz, uma vez que a vinda de vocês,reforça nosso time, amplia nossa família PROS, na construção de políticas públicas e equidade social”, afirmou.

O Presidente expressou ainda, a alegria de ter mais uma mulher no partido. “Eu fico muito feliz por termos mais uma mulher no partido. O PROS precisa alavancar a participação das mulheres na política. E a Senadora Zenaide além de mulher, é também uma parlamentar que vem em defesa da redução dos impostos, uma das principais bandeiras levantada pelo partido”, completou.

Senador Telmário Mota

Natural de Boa Vista(RR), Telmário Mota de Oliveira é formado em Economia e Contabilidade. Seu ingresso na política aconteceu na década de 90 por meio de militância em movimentos sociais. Vereador de Boa Vista por dois mandatos consecutivos, Telmário chegou ao Senado em 2014 como o senador mais bem votado da história no Estado.

Senadora Zenaide Maia

Natural de Brejo do Cruz (PA), Zenaide Maia Calado Pereira dos Santos, mais conhecida como Zenaide Maia é formada em medicina. Foi Secretária de Saúde e Deputada Federal. A parlamentar deixa a Câmara dos Deputados para o cargo de Senadora pelo Estado do Rio Grande do Norte.

Fato meramente administrativo

Por Carlos Santos, Senadinho Macaíba 

O Diário Oficial de hoje, que trouxe a nomeação do novo delegado titular de Macaiba, também trouxe inúmeras remoções e nomeações de outros profissionais.

Isso reforça a tese trazida a público pelo próprio Delegado Dr Normando Feitosa, que era normal esse rodízio de profissionais da área.

Os politiqueiros de plantão, que tentaram fazer disso um importante fato político, sumiram do mapa.

Governadora sanciona lei que institui cotas e argumento de inclusão regional na UERN

Novo sistema de cotas será implantado nos próximos processos seletivos da universidade.
Universidade Estadual do Rio Grande do Norte (Foto: Divulgação/UERN)

A governadora Fátima Bezerra sancionou a lei que institui cotas étnico-raciais e argumento de inclusão regional na Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN). A sanção foi publicada no Diário Oficial desta quinta (31).

A lei preserva também a cota social (50%) e a cota para pessoa com deficiência (5%), já praticadas pela instituição. Com a sanção da lei, o novo sistema de cotas já será implantado nos próximos processos seletivos da universidade.

A proposta da lei foi elaborada pela Administração Central da universidade, e encaminhada ao deputado federal, Fernando Mineiro (PT), que a apresentou na Assembleia Legislativa, onde foi aprovada por unanimidade. De lá seguiu para sanção da governadora.

Styvenson deixa a Rede Sustentabilidade, partido pelo qual se elegeu

De acordo com o coordenador do Rede Sustentabilidade no Rio Grande do Norte, partido não tem a intenção de brigar pelo mandato e deseja sucesso ao político.

Por Everton Dantas, do Portal OP9

O senador Capitão Styvenson não faz mais parte do partido Rede Sustentabilidade, pelo qual se elegeu nas últimas eleições. A informação foi confirmada pelo coordenador da legenda no Rio Grande do Norte, Freitas Júnior, que disputou o governo do estado. De acordo com ele, após as eleições, o senador não procurou mais o partido para discutir sua permanência, e então teria se desfiliado. “Desejamos sucesso a ele”, disse.

Freitas Júnior explicou que o Rede não entrará com pedido para tomar o mandato. Primeiro porque a legenda não impede a saída de quem quer deixar o partido. Segundo porque o cargo dele é majoritário, que permite a migração. E terceiro pelo fato da Rede não ter cumprido a cláusula de barreira, o que libera os eleitos para procurarem outras legendas.

O ex-candidato ao governo do estado explicou ainda que há insatisfação dentro do Rede pelo fato do partido estar discutindo sua fusão com o PPS, que é presidido pelo deputado federal Roberto Freire. Essa legenda inclusive deve mudar de nome e passar a chamar-se Cidadania.

O próprio Freitas Júnior é um que deve deixar a legenda caso a fusão aconteça. Segundo ele, o PPS tem ligação com o PSDB e posicionamento mais à direita; enquanto ele e outros militantes, como a ex-senadora Heloísa Helena, são de esquerda. A decisão final sobre o futuro do partido de Marina Silva deve sair no final de março, quando haverá em Brasília um congresso extraordinário do partido para decidir sobre a fusão.

De acordo com a assessoria do senador Capitão Styvenson, ele ainda não se pronunciou sobre o assunto. Dos cinco senadores eleitos pelo Rede, só três permaneceram no partido: Randolfe Rodrigues, pelo Amapá; Fabiano Contarato, pelo Espírito Santo; e Flavio Arns, pelo Paraná. Além de Styvenson, o delegado Alessandro Vieira, em Sergipe, também deixou a legenda.

Todos eles, independente da legenda, tomarão posse na sexta-feira (1º), em cerimônia que começará às 15h no plenário do Senado. A posse segue com a eleição da presidência e da mesa diretora da Casa.

Igarn, Defesa Civil e UFRN testam nova tecnologia de inspeção de barragens

Utilização do método é uma parceria firmada entre o Governo do Estado e a Universidade.
Técnicos vistoriaram a barragem Passagem das Traíras em Jardim do Seridó e pretendem ir aos outros reservatório do Rio Grande do Norte (Foto: Divulgação/Igarn)

Por G1 RN

Uma nova tecnologia de detecção de fissuras será usado nas barragens do Rio Grande do Norte, para identificar as rachaduras que estão embaixo do solo ou as presentes nos próprios reservatórios, mas que não podem ser vistas em inspeções visuais. A utilização do método é uma parceria firmada entre o Governo do Estado e a UFRN.

A cooperação está sendo firmada entre o Instituto de Gestão das Águas do RN (Igarn), a Defesa Civil e a Universidade Federal do Rio Grande do Norte, por meio do Departamento de Geofísica.

A análise geológica será fornecida pelo próprio departamento, além da utilização de sensores sismográficos, registradores digitais e antenas de GPS, que permitem a otimização dos serviços de inspeção de barragens.

Nesta quarta-feira (30) foi organizada uma visita à barragem de Campo Grande, localizada em São Paulo do Potengi, em que representantes do Igarn, Defesa Civil e UFRN discutiram e avaliaram a utilização dos equipamentos no reservatório como uma fase de testes.

Posteriormente, segundo o Igarn, serão visitadas as barragens públicas de Passagem das Traíras (em São José do Seridó), Gargalheiras (Acari) e Calabouço (Passa e Fica), e as particulares, Barbosa de Baixo (Caicó) e Riacho do Meio (Equador).

O Instituto de Águas afirma que o estudo visa a garantir a otimização das vistorias nos reservatórios potiguares e possibilitar o monitoramento remoto dos mananciais. O objetivo é que, em um segundo momento, todos os reservatórios ou outras construções no Rio Grande do Norte que possam oferecer algum risco de desastre possam ser mapeados.

Com doença genética, macaibense dispensa cota e passa no IFRN

Aprovada em Informática, Aline não tem dedos e precisa de abraços bem carinhosos.
Aline e sua mãe Célia (Foto: Reprodução/Portal No Ar)

Quando tinha três anos, Aline Barboza perdeu os dedos das mãos e dos pés, o que não a impede de caminhar. Ela nasceu com uma doença que deixa a pele muito sensível. “Se alguém me apertar demais, pode rasgar”, diz. Então, quem for abraçar a menina de 14 anos precisa ser carinhoso, assim como ela é com os estudos. Recentemente, foi aprovada no IFRN. Nem precisou da Lei de Cotas. Sem ter computador em casa, a jovem agora vai cursar Informática no Instituto Federal.

A aprovação enche a mãe, Célia Costa Pinheiro, 43 anos, de orgulho. “Isso é resultado de muito esforço e dedicação dela. Foi a única da escola dela que passou, e sem cota”, ressalta a mulher que, quando perguntada com o que trabalha, responde: “Cuido dela. Vivo para ela”. Já o pai da menina mora em São Paulo. “Ele não liga muito pra mim, não”, contou a adolescente.

Mãe e filha moram sozinhas em Macaíba. A atividade econômica de Célia é o artesanato. Ela produz peças na Casa Durval Paiva, ONG que atende Aline. “Enquanto ela está nas atividades da Casa, eu faço artesanato”, explicou.

Uma das atividades que Aline faz na Casa Durval Paiva é usar o computador. Isso porque ela não o tem em casa. “Então, eu uso o de lá para estudar”, diz a menina que não esquece da ajuda que recebeu de duas professoras: “Patrícia e Kêila”.

Aline sofre, desde o nascimento, com a epidermólise bolhosa. “Essa doença causa bolha e feridas pelo corpo”, descreveu. Devido ao problema, ela precisa de cuidados especiais e necessita se esconder do sol. “Eu só vou à praia se tiver sem sol”, contou.

“Ela perdeu os dedos das mãos e dos pés quando tinha três anos. Eles atrofiaram e se fecharam, como um casulo”, relembrou a mãe.

Natal, 3ª capital mais violenta do Brasil, fica 7 dias sem homicídios

Coine disponibilizou o ranking das reduções de homicídios no RN

Por Everton Dantas, do Portal OP9

Apontada como uma das mais violentas do país, a capital do Rio Grande do Norte passou sete dias sem registrar homicídios. Isso não acontecia há pelo menos 7 anos. Dos dias 19 a 25 de janeiro, nenhum Crime Violento Letal Intencional (CVLI) foi registrado na cidade. A última vez que isso aconteceu foi de 7 a 13 de abril de 2012.

Atualmente, desde o dia 27 (domingo) também não são registrados homicídios na capital. Esse é um dos índices que atesta a redução no número de assassinatos na cidade. Em 2018, até o dia 29 de janeiro, Natal havia registrado 46 assassinatos. Em 2019, até a tarde desta terça-feira (29), foram 27, o que representa redução de 41,3%.

De acordo com o “Atlas da Violência 2018 – Políticas Públicas e Retratos dos Municípios Brasileiros”, estudo produzido pelo Ipea que usou dados de 2016, Natal era a 3ª capital mais violenta. Com 62,7 homicídios para cada 100 mil habitantes, a capital do RN só perdia para Aracaju (SE), com 73; e Belém (PA) com 73,1.

Quantidade de homicídios apresenta redução de 18,4% de 2017 para 2018

Natal não é a única cidade da região metropolitana que tem registrado redução na quantidade de crimes do tipo. São Gonçalo do Amarante, por exemplo, registrou em 2018, até dia 29 de janeiro, um total de 10 CVLIs. Este ano, dois aconteceram; o que representa uma redução de 80%. A cidade está há 19 dias sem registrar morte violenta.

Outro município da Grande Natal, Macaíba, no mesmo período apresentou redução de 50% no número de vítimas: foram 10 assassinatos em 2018 e 5 até agora em 2019. Em Parnamirim também houve redução: foram 12 mortes violentas em 2018 e 11 em 2019 (8,3% a menos). A cidade está há seis dias sem registrar homicídios.

A segunda maior cidade do Rio Grande do Norte, Mossoró, registra atualmente redução de 36,8% de 2018 para 2019: foram 19 assassinatos ano passado e 12 este ano, até o dia 29. No estado como um todo, a quantidade de assassinatos também registra queda. Em janeiro de 2018, até dia 29, foram 196 homicídios. No total do mês, ano passado, 213 pessoas foram vítimas de homicídio. Este ano, até esta terça-feira, 118 mortes haviam sido registradas; o que equivale a uma redução de 39,8% (78 vítimas a menos).

São Gonçalo do Amarante, que já figurou como uma das mais violentas do RN, está há 19 dias sem homicídio; até a tarde desta terça-feira.

Macaibense é aprovada no curso de Medicina da UFRN

Alana Araújo, 20 anos, é moradora da Rua da Coité e ex-estudante da Escola Dr. Severiano. Ela foi aprovada para o curso de Medicina da UFRN/Campus Caicó, nada menos que o curso mais concorrido do país.

Alana Araújo, 20 anos, ex-aluna da Escola Dr. Severiano

O resultado do Sistema de Seleção Unificada 2019 (Sisu), divulgado ontem (28), trouxe uma grande alegria para a jovem, Alana Araújo, 20, moradora da Rua da Coité e ex-estudante da Escola Estadual Dr. Severiano, que conseguiu um feito inédito para um cidadão de nossa cidade: a aprovação no curso de Medicina da UFRN/Campus Caicó. Filha de uma comerciante com um funileiro mecânico, e terceira de quatro filhos, Alana falou ao Macaíba News que esse era o seu sonho desde criança e que teve que se desdobrar em duas para conseguir ser aprovada no curso mais concorrido do país, após cinco tentativas.

“Esse era o meu sonho desde criança. As brincadeiras sempre tinham algo de medicina no meio. Eu tinha que me desdobrar em duas, pois, devido ser aluna do Curso de Enfermagem na UFRN, Campus Central, eu tinha que passar o dia todo na universidade, dividindo espaço entre os assuntos da graduação e os assuntos do ensino médio. Então, é algo que não consigo mensurar. Não tenho palavras para descrever a minha alegria e a alegria dos meus familiares. Ainda estou sem acreditar. Como disse, esse era um sonho desde criança, que se tornou realidade depois de cinco tentativas. É uma vitória enorme diante de uma sociedade tão desigual e com tantas falhas na educação pública”, declarou. 

Alana é um exemplo para todos os macaibenses que almejam vencer pela Educação. Com sua aprovação no curso mais concorrido do país, ela mostrou aos estudantes de escolas públicas de nossa cidade que eles têm capacidade de passar em qualquer curso, e que para isso são precisos apenas dois requisitos: sonhar e estudar. “Gostaria de agradecer a todos que me acompanharam nessa jornada, especialmente aos meus familiares e amigos que sempre acreditaram na minha capacidade – sobretudo minha mãe, por todo esforço que ela teve para me educar, por todo incentivo e por me tornar o que sou hoje”, finalizou.  

FIART é aberta com presença de autoridades

A FIART integra o calendário oficial de eventos do Rio Grande do Norte e acontece sempre durante o período de alta estação, quando o estado recebe o maior número de visitantes
Governadora Fátima Bezerra, abertura FIART (Foto: Reprodução/Facebook)

Por Heitor Gregório, Tribuna do Norte

A abertura oficial da 24ª Feira Internacional de Artesanato (FIART) aconteceu na noite desta segunda-feira (28), no Centro de Convenções de Natal. A governadora Fátima Bezerra participou da solenidade que teve início com a apresentação da banda de música da polícia militar, ao lado do prefeito Álvaro Dias, senadora Zenaide Maia e vereadores.

A FIART integra o calendário oficial de eventos do Rio Grande do Norte e acontece sempre durante o período de alta estação, quando o estado recebe o maior número de visitantes. O evento movimenta a economia local, gerando renda e divulgando o trabalho dos artesãos potiguares, brasileiros e estrangeiros. Este ano participam da feira, como expositores, artesãos de Senegal, Bolívia, República Tcheca, Peru, Madagascar e Colômbia.

Esta edição reúne cerca de 1.000 expositores, dos quais 250 são potiguares.

A expectativa é que aproximadamente 70 mil pessoas visitem a FIART durante os dez dias de feira. No ano passado, foram movimentados R$ 6,8 milhões com a venda e comercialização de produtos. Para superar este montante, a organização montou uma grande estrutura e uma vasta programação cultural, unindo música, dança, gastronomia, lazer e entretenimento.

A edição 2019 traz novidades como workshops, concurso de fotografias, minicursos de artesanato, espaço kids e o já tradicional espaço gastronômico, que conta com a participação de seis cervejarias artesanais do Rio Grande do Norte. A FIART 2019 está aberta ao público desde a sexta-feira (25), e vai até o dia 4 de fevereiro, no novo pavilhão do Centro de Convenções de Natal. Uma programação para toda a família.

 

Macaíba: Secretaria Municipal de Educação faz convocação dos Seletistas

Divulgado nesta segunda-feira no Diário Oficial de Macaíba convocação dos professores temporários
Reprodução

Prefeitura de Macaíba divulgou nesta segunda-feira 28 de janeiro em seu boletim oficial a convocação dos candidatos aprovados no Processo Seletivo Simplificado 001/2017, para comparecer no prazo de 72hs a partir da data de publicação do boletim, os nomes dos convocados consta no Diário Oficial de Macaíba site da prefeitura.