Sob forte comoção, professora de dança morta em acidente de trânsito em Natal é sepultada

Carro em que estava Gislâne Cruz colidiu com veículo que seguia na contramão na Zona Sul da capital. Motorista que provocou acidente foi preso com suspeita de embriaguez.
A professora de dança Gislâne Cruz do Nascimento, de 26 anos, morreu em um acidente de trânsito — Foto: Redes sociais

Matéria do G1 RN

O sepultamento de Gislâne Cruz, nesta segunda-feira (20), foi marcado por comoção e revolta entre familiares e amigos da professora de dança, que morreu em um acidente de carro no domingo (19), em Natal. Ela foi sepultada no Cemitério Parque Vila Flor, em Macaíba, na Região Metropolitana da capital potiguar.

Gislâne Cruz do Nascimento tinha 26 anos e era professora do Colégio Salesiano, onde foi velada durante a noite do domingo e a manhã desta segunda. A missa de corpo presente também aconteceu na escola, que anunciou que não haverá aula hoje.

De acordo com o Comando de Policiamento Rodoviário Estadual (CPRE), Gislâne seguia em um carro com uma motorista que trabalha em um aplicativo de transporte de passageiros. A professora estava a caminho de uma academia onde daria uma aula. O veículo em que elas estavam seguia no sentido Candelária no prolongamento da Avenida Prudente de Morais, na Zona Sul, quando se deparou com outro automóvel, que ia na contramão. Houve uma batida.

Após a colisão, o carro em que as duas estavam capotou. Gislâne foi a única a morrer no acidente. Segundo o CPRE, dois homens, que tinham sinais de embriaguez, estavam no veículo que seguia na contramão. O motorista, o oficial de Justiça Josias Teixeira de Morais, 62 anos, foi preso. Ele participará de uma audiência de custódia marcada para as 14h desta segunda-feira (20).

A mulher que dirigia o automóvel em que estava a professora, Beverly Iane Ramalho, relatou como tudo aconteceu. “Eu pedi para ela botar o cinto. Ela botou o cinto, eu botei o cinto e seguimos viagem. Quando eu peguei a Prudente de Morais, passando próximo ao Sest, veio o carro e colidiu conosco. Ele vinha na contramão e colidiu na traseira do meu carro. Eu estava no sentido Candelária e ele vinha na lateral do Sest Senat e entrou na contramão”, conta.a

Lei facilita cancelamento de assinatura de TV paga

Aprovada em março pelo Senado, depois de passar pela Câmara dos Deputados, a nova lei visa por fim às dificuldades apontadas por consumidores que tentam cancelar esse serviço junto às empresas de TVs por assinatura.

 

Imagem: Reprodução/Internet

Por Agência Brasil

Cancelar a assinatura de uma TV paga ficará mais fácil a partir de meados de junho, conforme prevê a lei sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro, publicada no Diário Oficial da União de hoje (14). De acordo com as novas regras, o cancelamento do serviço poderá ser feito por meio da internet ou pessoalmente, junto à própria empresa.

Aprovada em março pelo Senado, depois de passar pela Câmara dos Deputados, a nova lei visa por fim às dificuldades apontadas por consumidores que tentam cancelar esse serviço junto às empresas de TVs por assinatura.

Como em geral o serviço é oferecido no formato de combo – acompanhado de serviços de internet e de telefonia –, as entidades de defesa do consumidor encontram dificuldades para gerar dados específicos que diferenciem queixas motivadas por dificuldade de cancelamento dos demais serviços.

Queixas

Queixas contra TVs por assinatura, telefonia móvel e fixa estão entre os quatro assuntos mais demandados em 2017 e 2018 junto ao Procon-DF – ranking que é liderado pela telefonia móvel, seguido por cartões de crédito, telefonia fixa e, em quarto lugar, as TVs por assinatura.

Das 54.166 queixas atendidas pelo Procon-DF em 2017, 6.127 foram contra serviços de telefonia móvel; 2.939 contra cartões de crédito; 2.815 contra telefonia fixa; e 2.735 contra TVs por assinatura. No ano seguinte, a ordem do ranking não mudou. Foram 46.393 queixas no DF. A telefonia móvel ficou em primeiro lugar, com 5.144 queixas, seguido de cartões de crédito (2.416); telefonia fixa (2.152); e TVs por assinatura (1.522).

Segundo a assessoria do Procon, não há como mensurar, entre as queixas contra as TVs por assinatura, quantas foram feitas motivadas por dificuldades para conseguir o cancelamento do serviço.

“A classificação do motivo da queixa é subjetiva, feita por nossos atendentes. Eles podem, por exemplo, classificá-las como queixas contra o SAC [serviço de atendimento ao cliente], ou mesmo como queixas a serviços de telecomunicações ou telefonia, uma vez que esses serviços podem integrar um combo. O que sabemos é que, sim, estão entre os carros-chefes em termos de queixa”, disse à Agência Brasil a assessora do Procon Giselle Pecin.

Segundo o Procon, a maioria das queixas é devido a problemas relativos ao SAC. “Temos um índice de resolutividade próximo a 80%. Isso mostra que, via de regra, são demandas simples de serem atendidas. Como acabam não sendo, o Procon passa a ser acionado”, acrescentou.

De acordo com o texto publicado no DOU de hoje, a nova lei tem prazo de 30 dias para entrar em vigor.

FAÇA O QUE DIGO, MAS NÃO O QUE FAÇO?

Imagem mostra uma viatura de fiscalização de trânsito de Macaíba estacionada em local proibido

Estacionar em local proibido, mesmo que seja só por um minutinho pode resultar em multa e alguns pontos na carteira. Segundo o Detran, estacionar na faixa amarela é proibido.

Conforme regulamenta o Código de Trânsito Brasileiro (CTB) em seu artigo 29, viaturas de fiscalização de trânsito podem parar ou estacionar em local proibido desde que estejam em operação e com o giroflex ligado.

Imagem produzida às 13h15 da tarde desta segunda-feira, 13, mostra uma viatura de fiscalização de trânsito do município estacionada em local proibido. Percebe-se que ela estava com o giroflex ligado, mas não se sabe se estava envolvida em alguma operação.

Queremos saber qual operação ela estava envolvida no momento em que foi registrada estacionada em local proibido? Com a palavra a Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT) de Macaíba!

Fonte: Macaíba Assombrada

Publicada lei que perdoa dívidas de IPVA e licenciamento de motos no RN

Texto foi sancionado pela governadora Fátima Bezerra (PT) nesta sexta-feira (10) e publicada neste sábado (11) no Diário Oficial.
Dívidas de IPVA e Licenciamento serão perdoadas no RN — Foto: Divulgação/Detran-RN

Do G1 RN

Foi publicada no Diário Oficial deste sábado (11) a lei estadual que perdoa dívidas de IPVA de motociclistas do Rio Grande do Norte. O texto foi sancionado pela governadora Fátima Bezerra (PT) nesta sexta-feira (10), em Natal, e vai passar a valer em 30 dias.

Com a lei, o Estado fica autorizado a remir dívidas do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores, independentemente se o valor já está inscrito na dívida ativa ou em execução fiscal. Além disso, a taxa de licenciamento anual de veículos, paga ao Detran, também será perdoada.

Entretanto, a lei se aplica às taxas vencidas até 31 de dezembro de 2018 e nos casos de motocicletas ou motonetas de até 150 cilindradas.

Serão perdoados impostos, multas, as atualizações monetárias das dívidas, os juros de mora e outros acréscimos previstos na lei.

Para tanto, os motociclistas só poderão adquirir o benefício se estiverem regulares com o IPVA e a Taxa de Licenciamento Anual de Veículo relativos a 2019, além de estar em dia com o Seguro Obrigatório de Danos Pessoais causados por Veículos Automotores de Via Terrestre (DPVAT) e não impedimento no Registro Nacional de Veículos Automotores (Renavam).

“Cada contribuinte somente pode se beneficiar com a remissão de que trata esta Lei em relação a um veículo”, diz o texto.

Para solicitar o perdão de dívida, o proprietário da motocicleta precisa procurar a Secretaria de Estado da Tributação (SET), quanto ao IPVA atrasado que ainda não estiver na dívida ativa.

No caso de já estar inscrito na dívida, o órgão a ser procurado é a Procuradoria-Geral do Estado.

Quanto ao perdão do licenciamento anual, o Detran é o órgão a ser procurado.

Operação apreende aves silvestres em feira da Grande Natal

Ação conjunta do Ibama com a Polícia Rodoviária Federal deteve oito pessoas manhã deste sábado (11) em Macaíba.
Operação conjunta do Ibama e da PRF apreende aves e prende suspeitos de tráfico de animais silvestres na Grande Natal. — Foto: Divulgação/PRF

Do G1 RN

Oito pessoas foram presas e cerca de 80 aves apreendidas na manhã deste sábado (11), em Macaíba, na região metropolitana de Natal. A operação conjunta do Ibama com a Polícia Rodoviária Federal teve objetivo de combater o tráfico de animais silvestres.

A ação aconteceu na feira livre do município de Macaíba. De acordo com a PRF, até as 12h, sete pessoas foram detidas e responderão a um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO). Uma outra teve dois mandado de prisão por tráfico e homicídio, que estavam abertos, cumpridos.

Além das aves silvestres, dois carros em que os animais eram transportados foram apreendidos.

Câmara Municipal de Parnamirim abre concurso público com 44 vagas. Os salários são de até R$ 2,5 mil.

Inscrições para cargos de nível médio e superior vão de 20 de maio a 17 de junho, com taxas de R$ 80 e R$ 100, respectivamente. A banca responsável pelo certame é a Comperve.
Fachada da Câmara Municipal de Parnamirim (Foto: Divulgação/CMP)

A Câmara Municipal de Parnamirim, na região metropolitana de Natal, lançou edital para um concurso público com 44 vagas em cargos de nível médio e superior. Os salários oferecidos variam de R$ 1,3 mil a R$ 2,5 mil. Confira o edital aqui.

As inscrições começam no dia 20 de maio e vão até 17 de junho e serão feitas exclusivamente pelo site da Comperve (ver abaixo). Elas custam R$ 80 para os candidatos aos cargos de nível médio e R$ 100 para os candidatos de nível superior.

As provas, que acontecem no dia 21 de julho, serão objetivas, com 10 questões de língua portuguesa e 25 de conhecimentos específicos da área escolhida.

Para vagas de nível médio, o concurso oferece cargos de agente administrativo, agente de cerimonial, redator de atas e técnico de informática.

Já para o nível superior, há vagas para administrador, analista de informática, assessor contábil, assessor de controle interno, jornalista, pedagogo, procurador, produtor audiovisual e tradutor intérprete de libras.

A realização do atual concurso acontece após 27 anos do primeiro e cumpre uma reestruturação estabelecida pela atual administração da Casa em acordo com os órgãos fiscalizadores, que estabeleceu o equilíbrio do quadro funcional, em 50% das vagas para efetivos e os outros 50% para comissionados.

Em 2017, a Câmara Municipal tinha 18% dos cargos ocupados por servidores efetivos e 82% de comissionados. Com o novo concurso, a previsão é de eliminar 100 cargos comissionados e dobrar o quadro de servidores efetivos.

Fonte: G1 RN

Ultraleve desaparece no litoral potiguar, diz PM

Casal estaria na aeronave, que sumiu na manhã desta sexta-feira (3) em Nísia Floresta.
Helicóptero da FAB auxilia nas buscas ( Foto:PMRN/Divulgação)

Por G1 RN

Um ultraleve desapareceu na manhã desta sexta-feira (3) no litoral potiguar. De acordo com a Polícia Militar, os ocupantes da aeronave são um casal que costuma fazer passeios na área de Nísia Floresta, na região metropolitana da capital, mas que não retornou.

Como não conseguiram contatos com o casal e a aeronave não teria autonomia para voar tanto tempo, as autoridades de segurança pública foram acionadas.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, que também foi acionado para a região, a decolagem aconteceu por volta das 9h. Buscas são realizadas em uma região de mata no distrito de Tororomba.

Além do Corpo de Bombeiros, a Polícia Militar afirmou que a Força Aérea Brasileira foi informada. Um helicóptero da FAB dá apoio às buscas.

Após incêndio, maior shopping de Natal é evacuado

Clientes precisaram deixar o Midway Mall. Corpo de Bombeiros informou que fogo foi considerado controlado às 17h10.

 

 

Clientes deixando o Shopping Midway (Foto: Felipe Galdino/InterTV Cabugi)

Por G1 RN

O Midway Mall, maior shopping da Grande Natal e localizado na Zona Leste da cidade, foi evacuado após o incêndio acontecido no local na tarde desta segunda-feira (29). Não houve feridos por conta do fogo.

Clientes que estavam dentro do Midway Mall no momento em que o fogo começou relataram que funcionários e seguranças pediram para elas deixarem o espaço e as encaminharam para pontos de saída do shopping.

Pessoas que estavam em lojas, restaurantes e salas de cinema precisaram deixar o estabelecimento. Um deles, inclusive, foi o jornalista da Inter TV Cabugi, Felipe Galdino, que estava no local e foi orientado junto com outros clientes a sair.

Segundo a assessoria do Midway Mall, o fogo não atingiu a área interna do shopping, onde ficam lojas e restaurantes, mas afetou o sistema de ar-condicionados e por isso houve a necessidade de evacuação.

A assessoria do Midway Mall informou ainda que o shopping provavelmente não vai reabrir nesta segunda-feira (29). Apenas quem deixou o carro no estacionamento será autorizado a entrar para retirá-lo do local.

O fogo que atingiu o shopping teria começado na casa de máquinas, que fica em uma área anexa ao estabelecimento comercial. O Corpo de Bombeiros informou que dois veículos de combate ao incêndio se encontram no local.

Segundo o Corpo de Bombeiros, o fogo foi considerado controlado às 17h10.

O que se sabe até agora

  • O incêndio começou na área da casa de máquinas do shopping
  • O Corpo de Bombeiros enviou dois carros de combate a incêndio ao local
  • Não há feridos
  • Seguranças orientaram a evacuação de clientes e lojas fecharam, após o fogo atingir o sistema de ar-condicionado.
  • Segundo o shopping, o fogo não atingiu a área interna do estabelecimento
  • O fogo foi considerado controlado às 17h10 e os bombeiros começaram o resfriamento do local.