Assassino de Daiane Santos é preso na cidade de Mossoró

Francisco Moura dos Santos, de 28 anos, mais conhecido como Gue Santos, foi preso no Hospital Regional Tarcísio Maia, onde estava internado após sofre um acidente de moto em Assú. Ele é o assassino da jovem, Daiane Santos, da comunidade quilombola de Capoeiras.
Francisco Moura dos Santos, de 28 anos, assassino de Daiane Santos (Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi

De acordo com o portal de notícias G1 RN, a Polícia Civil de Macaíba, finalmente, conseguiu prender o assassino da jovem Daiane Santos, da comunidade quilombola de Capoeiras, que foi assassinada covardemente com 10 facadas, pelo ex-marido, em janeiro do ano passado.

Segundo o portal, Francisco Moura dos Santos, de 28 anos, mais conhecido como Gue Santos, foi preso no Hospital Regional Tarcísio Maia, onde estava internado após sofre um acidente de moto em Assú.

Ao G1, o delegado de Macaíba, Cidórgeton Pinheiro, disse que policiais identificaram que o homem hospitalizado era o autor do feminicídio de Daiane e foram até o local. “Uma equipe confirmou que ele estava no hospital e chegando ao local demos voz de prisão”, afirmou.

Descanse em paz, Daiane!

Sobre o caso

Gue Santos e Daiane tiveram um relacionamento amoroso e se separaram. Ele insistia em reatar o relacionamento, mas ela não queria. No dia 26 de janeiro de 2018, Daiane decidiu sair de casa e estava retirando os seus bens.
De acordo com matéria publica na época pelo Blog Informativo Atitude, na última viagem que Daiane para tirar os moveis da sua residência, Gue Santos a atacou e a matou com 10 facadas.
Ainda de acordo com blog, Daiane foi socorrida, mas já chegou sem vida ao pronto socorro. Na época, o filho de Daiane tinha apenas dois anos e o crime chocou não apenas Capoeiras e Macaíba, mas todo o estado.
A prisão desse monstro traz um pouco de alívio e alegria para todos que acompanharam e se solidarizaram com o caso, em especial os familiares e amigos de Daiane.

Mais um refém é liberado no sequestro em bar no Rio de Janeiro

Funcionários da EBC estão entre os reféns, no inicio da ocorrência, de acordo com a polícia, eram seis pessoas sequestradas.
bombeiros e a policia esta na lapa para apoiar ação do Bope (Foto: Reprodução/TV Globo)

Agência Brasil

Há pouco, mais um refém foi liberado no sequestro que começou por volta das 15 horas em um bar na Lapa, no Rio de Janeiro. Quatro pessoas permanecem como reféns no local.

No inicio da ocorrência, de acordo com a polícia, eram seis pessoas sequestradas. Segundo informações dos agentes de segurança, o sequestrador entrou em um bar na esquina das ruas do Rezende e dos Inválidos, armado com uma faca.

Em entrevista concedida em frente ao local do sequestro, o coronel Mauro Fliess, porta-voz da Polícia Militar, disse que a ação segue o protocolo de resgate de reféns e o objetivo é preservar vidas. “As tropas especiais já estão com todo o aparato exigido para dar continuidade a negociação com o objetivo principal de preservar vidas. As informações que temos no momento é que ele está de posse de um facão e há a possibilidade também dele está portando uma arma de fogo. As informações chegam de maneira desencontrada. A principal preocupação da PM neste momento é preservar vidas, tanto do tomador de refém quanto das pessoas que estão sob ameaça dele. A ação segue todo o protocolo para tomada de reféns.”

Entre os reféns, há funcionários da Empresa Brasil de Comunicação (EBC). Em nota, a EBC informa que a direção e os gestores da Regional Rio de Janeiro da empresa estão monitorando a situação de perto e prestando todo o apoio necessário, inclusive jurídico, aos empregados e seus familiares.

Incêndio atinge pátio de veículos apreendidos pela polícia no interior do RN e 20 carros pegam fogo

Todos os veículos haviam sido apreendidos pela Polícia Civil durante operações. Ainda não se sabe o que motivou o incêndio.
Incêndio atinge patio de veículos apreendidos em Santa Cruz/RN (Foto: Reprodução/Redes Sociais)

Por Norton Rafael, InterTV Cabugi

Um incêndio atingiu nesta quarta-feira (13) pelo menos vinte veículos que estavam estacionados no pátio da delegacia da cidade de Santa Cruz, na região Trairi potiguar. Todos os veículos haviam sido apreendidos pela Polícia Civil durante operações. Ainda não se sabe o que motivou o incêndio.

Foram ouvidas explosões, causadas pela combustão da gasolina armazenada nos tanques dos automóveis. De acordo com o delegado de Santa Cruz, Tiago Saraiva, caminhões-pipa foram usados para tentar debelar e conter o avanço do fogo, que ameaçava chegar ao prédio da DP e também a um posto de saúde, localizado ao lado do estacionamento.

O Corpo de Bombeiros foi acionado cerca de uma hora depois do início do incêndio, para auxiliar no combate ao fogo. Segundo a Polícia Civil, ninguém ficou ferido por causa das chamas.

Policiais civis realizam Operação Zero a partir desta terça-feira (05)

Com a Operação Zero, os Policiais Civis do interior devem se concentrar nas delegacias regionais, enquanto a categoria negocia com a governadora.

Policiais civis do Rio Grande do Norte decidiram que, a partir desta terça-feira, 5, vão deflagrar a Operação Zero e se concentrar na Central de Flagrantes. A categoria cobra uma nova proposta do Governo do Estado referente ao projeto de reestruturação de carreira, bem como as promoções atrasadas que não foram implantadas, previsão de pagamento dos salários atrasados e melhores condições de trabalho.

A diretoria do SINPOL-RN informa que foi chamada para uma reunião com o Governo na manhã desta segunda-feira, 4, no entanto, não houve nenhum avanço.

“Infelizmente, chegamos às 8h30 no Centro Administrativo e saímos às 16h sem absolutamente nada. A equipe do Executivo abandou, literalmente, a diretoria do sindicato em uma sala, por volta das 12h, e não retornou mais. Somente após termos ligado para cobrar um posicionamento nos foi dito que não havia previsão da possível proposta a ser apresentada”, explica Nilton Arruda.

A diretoria então voltou para o SINPOL-RN e repassou as informações aos Agentes e Escrivães. “Diante da insatisfação e do tratamento desrespeitoso que recebemos, ficou deliberado pelo início da Operação Zero”, completa.

Com a deflagração da Operação Zero, os Policiais Civis esperam ser recebidos pela governadora Fátima Bezerra e que ela coloque uma proposta na mesa. “Os rumos do nosso movimento dependerá do próprio Governo. O prazo assinado em um termo de compromisso no dia 23 de julho se venceu em 31 de outubro, então, agora é uma questão de vontade política”.

A diretoria do SINPOL-RN lembra que os policiais civis vêm lutando por valorização pelo trabalho realizado no combate à insegurança. “Nós queremos que o Governo reconheça o esforço que temos feito diariamente, inclusive, por sermos um dos piores efetivos do Brasil, cobramos também a realização do concurso público”.

Com a Operação Zero nesta terça-feira, conforme a deliberação, os Policiais Civis do interior devem se concentrar nas delegacias regionais.

Comissões de Administração e de Finanças aprovam Fundo Estadual de Segurança

O projeto, de iniciativa do Governo do Estado, agora segue para a Comissão de Constituição, Justiça e Redação, que vai analisar as emendas apresentadas pelos deputados.
Deputados que compões as comissões de Administração, Serviços Públicos e Trabalho e de Finanças e Fiscalização da Assembleia (Foto: João Gilberto/ALRN)

O projeto de lei que dispõe sobre o Fundo Estadual da Segurança Pública e da Defesa Social (Funsep) e institui o Conselho Estadual de Segurança Pública e de Defesa Social do Rio Grande do Norte (Consesp/RN) e os Conselhos Comunitários de Defesa Social (CCDSs), foi aprovado na manhã desta terça-feira (29), em reunião conjunta das comissões de Administração, Serviços Públicos e Trabalho e de Finanças e Fiscalização da Assembleia Legislativa do RN. O projeto, de iniciativa do Governo do Estado, agora segue para a Comissão de Constituição, Justiça e Redação, que vai analisar as emendas apresentadas pelos deputados.

“Aprovamos o projeto pois entendemos que esses recursos são importantes para a segurança pública do Rio Grande do Norte. Queremos ajudar para que o estado não perca esses repasses que podem variar entre R$ 7 milhões a R$ 10 milhões”, destacou o presidente da Comissão de Finanças e Fiscalização, deputado Tomba Farias (PSDB).

O Funsep será criado para captar repasses do Fundo Nacional de Segurança Pública (FNSP), efetivado no ano passado para apoiar projetos para a área para reequipar, treinar e qualificar as polícias civis e militares, os corpos de bombeiros militares e as guardas municipais. O fundo também se destina a investir em melhorias dos sistemas de informações, inteligência e investigação, para a estruturação e modernização da polícia técnica e científica e programas de polícia comunitária, de prevenção ao delito e à violência, entre outros.

“Essa projeto é importante porque trata desse instrumento que vai proporcionar alocação de recursos do Governo Federal, do Fundo Nacional de Segurança Pública, recursos estes arrecadados pelas Loterias e que serão transferidos fundo a fundo para o RN”, explicou o secretário estadual de Segurança Pública Defesa Social, coronel Francisco Canindé de Araújo Silva.

Governo entrega nova unidade do Corpo de Bombeiros em São Gonçalo do Amarante

As instalações do novo quartel têm mil metros quadrados de área construída com garagens para as viaturas, alojamentos masculino e feminino, cozinha e refeitório, estacionamento, etc.

O Governo do RN inaugurou nesta terça-feira, 29, o quartel do 2º Sub Grupamento do Corpo de Bombeiros Militar (2º SGB) em São Gonçalo do Amarante. A unidade foi construída em parceria do Governo do Estado com a Prefeitura de São Gonçalo do Amarante e com o consorcio de empresas formado pelas indústrias têxteis Coteminas, Guararapes, Vicunha e COATS e pela indústria alimentícia Café Santa Clara.

A unidade começa a operar no combate a incêndio em São Gonçalo, zona Norte de Natal e municípios vizinhos. Nos próximos meses será dotada de equipamentos para multiemprego, ou seja, vai atender também as demandas de salvamentos em alturas, terrestres, atendimentos pré-hospitalares e desencarceramento em acidentes envolvendo veículos.

A estrutura de pessoal é composta por 28 militares, três viaturas, sendo um caminhão Auto Bomba, um de Busca e Salvamento e uma Ambulância.

A governadora Fátima Bezerra conheceu as novas instalações e disse que “o governo tem o imenso desafio de garantir paz e segurança pública. Estas novas instalações dão condição digna e adequada de trabalho. Agradecemos ao consórcio pela parceria saudável e necessária e a Prefeitura de São Gonçalo que cedeu terreno e articulou com as empresas que entenderam a responsabilidade social. Trabalhamos de mãos dadas. Fico orgulhosa com esse senso de cidadania que queremos manter e ampliar. Inclusive com parcerias para o sistema prisional com programas de ressocialização”.

As instalações do novo quartel têm mil metros quadrados de área construída com garagens para as viaturas, alojamentos masculino e feminino, cozinha e refeitório, salas para administração, comunicação, portaria – todos climatizados – e estacionamento.

Governo entrega veículos, armamentos e assina decretos que beneficiam a Polícia

Fátima Bezerra fez a entrega de seis novos veículos e armamentos e assinou três decretos que contribuem para a melhor estruturação.
Foto: Elisa Elsie/Assecom

Nesta sexta-feira, 25, quando a Polícia Civil do RN comemora 38 anos de criação, o Governo do Estado anunciou investimentos e benefícios para a instituição. Em ato solene na sede da Delegacia Geral de Polícia – Degepol, em Natal, a governadora Fátima Bezerra fez a entrega de seis novos veículos e armamentos. Além disso a governadora também assinou três decretos que contribuem para a melhor estruturação.

Os decretos integram à Polícia Civil o terreno de posse do Estado onde fica a sua sede, na Avenida Interventor Mário Câmara, n° 3.532 (antigo número 2.550), na Cidade da Esperança, em Natal. Com o decreto, a responsabilidade pelo terreno de 30.000 m² sai do Gabinete Civil para a Policia Civil. O segundo decreto passa para a posse da Polícia Civil o prédio onde está a Delegacia de Polícia Civil de Nísia Floresta, localizado na Rua Nossa Senhora do Ó, nº 117, Centro, Nísia Floresta/RN.

O terceiro decreto regulariza as plantas dos imóveis existentes nos terrenos. Na prática os decretos dão mais autonomia e segurança institucional para a Polícia Civil, que poderá prestar um serviço melhor à população. A Procuradoria-Geral do Estado fará os procedimentos relativos à titularização e registro do imóvel perante o Cartório de Registro de Imóveis competente.

CONCURSO PÚBLICO

“A Polícia Civil tem desempenhado papel muito importante. Tanto é que conseguimos reduzir a criminalidade e a violência em 30 por cento, superando a média nacional”, afirmou Fátima Bezerra. Ela, entretanto, considerou que “precisamos avançar muito mais, inclusive no que diz respeito à valorização profissional e salarial dos nossos agentes. Não tenham dúvida alguma que as negociações para melhorar as condições na Polícia Civil continuaram em curso. O diálogo é o caminho para que a gente posso chegar ao entendimento. Essa proposta de diminuição de salários não vale, a Constituição não permite e muito menos isso aconteceria no nosso governo”, afirmou Fátima Bezerra para anunciar que nos próximos dias será publicado o decreto nomeando a banca examinadora do concurso público para agentes, antiga reivindicação da categoria.

Na solenidade, a governadora foi homenageada com placa de reconhecimento por serviços prestados à Polícia Civil. Outras autoridades também foram contempladas como o vice-governador Antenor Roberto, os secretários de Estado.  Autoridades do Exército, polícias federal e rodoviária federal, ministério público, Tribunal de Justiça e jornalistas também receberam a homenagem.

Homem é preso acusado de tráfico de drogas no Alto da Raiz em Macaíba

Polícia planejava prender grupo de foragidos escondidos na localidade

Do Macaibanews.com.br

Uma operação realizada na tarde desta quinta-feira (24) pelas polícias Civil e Militar de Macaíba prenderam José Erinaldo da Silva, de 26 anos, na comunidade conhecida como Alto da Raiz, em Macaíba. O objetivo da operação era prender um grupo de foragidos, membros de uma facção criminosa.

De acordo com a polícia, o local servia de esconderijo para membros de uma facção criminosa. “Ele teria se apossado de um terreno e estava despachando a droga deitado de uma rede. Havia a informação de alguns foragidos no local. Ele estaria abrigando outros integrantes da facção”, disse o delegado de Macaíba, Cidórgeton Pinheiro.

No momento da ação, apenas Erinaldo, conhecido também como Galeguinho da Al Qaeda, estava no local. Com o acusado foram apreendidas 12 pedras de crack, cocaína, uma balança de precisão e dinheiro fracionado. Ele foi preso quando estava fracionando os entorpecentes e confessou o crime.

Governo nomeia 56 novos agentes penitenciários e entrega equipamentos

Investimento é de R$ 3,8 milhões através de convênio firmado com o Departamento Penitenciário Nacional.
Foto: Elisa Elsie/ASSECOM RN

Novas medidas para a reestruturação do sistema penitenciário do Estado foram tomadas nesta sexta-feira, 18, pelo Governo do Estado. Em solenidade na Escola de Governo, em Natal, a governadora Fátima Bezerra assinou ato de nomeação de 56 novos agentes penitenciários concursados e fez a entrega de 900 pistolas, 70 fuzis, 72 espingardas, 200 cadeados e 950 algemas no valor de R$ 3,8 milhões.

A Secretaria de Estado da Administração Penitenciária (Seap) também concluiu o processo para compra de 840 coletes balísticos nível II ao custo de R$ 484 mil, que estarão disponíveis em breve. Os armamentos foram adquiridos através de convênio firmado com o Departamento Penitenciário Nacional (DEPEN).

Além disso, o Estado firmou contrato com o Senai para oferta de cursos profissionalizantes aos internos do sistema penitenciário. São cursos de pintor, eletricista, lanterneiro e mecânico de automóveis, padeiro e pintor de imóveis. Outro convênio foi firmado para utilização de não de obra dos internos.

Outras importantes medidas adotadas pela administração estadual são o monitoramento das unidades prisionais em todo o Estado e do uso das tornozeleiras, em tempo real e 24 horas, pelo Ciosp. “Acompanhamos as áreas externas e internas dos presídios, o que é da maior importância para a segurança do sistema e para a prevenção e redução da violência”, explica o secretário de Estado da Segurança Pública e Defesa Social – Sesed, coronel Francisco Araújo.

Fátima Bezerra registra que as medidas tomadas na atual gestão colocaram o RN entre os quatro Estados que mais reduziram a violência no país. “No passado recente tínhamos os piores índices na segurança pública. Mas decidimos enfrentar o problema, criamos a Seap para modernizar o sistema, investimos na valorização de pessoal e aquisição de equipamentos e já estamos tendo resultados positivos”.

O secretário da Seap, Pedro Florêncio, disse que “por orientação da governadora Fátima Bezerra estamos construindo um novo sistema penitenciário. Estabelecemos diálogo permanente com o sindicato da categoria, adquirindo equipamentos de última geração, contratando pessoal, melhorando as condições de trabalho, as rotinas e promovendo a integração total com os demais órgãos do sistema de segurança”.

Moto é recuperada pela policia militar logo após ser roubada

A PM em diligências, quando na área do canavial perceberam a presença de dois elementos próximos a uma moto que alarmava.
Foto: 11ºBPM RN/Rede Social

Assessoria de Comunicação e Estatisticas

Na noite desta sexta-feira(18) Policiais Militares do 11ºBPM, foram informados sobre um roubo de uma moto que acabara de acontecer nas proximidades do distrito de Lagoa Grande em Ceará Mirim/RN.

De imediato iniciaram as diligências e quando na área do canavial perceberam a presença de dois elementos próximos a uma moto que alarmava. Ao perceberem a chegada dos policiais, ambos os suspeitos empreenderam fuga adentrando o canavial não sendo alcançados.

Ao verificar a placa da moto foi constatado ser a mesma que havia sido roubada há poucos instantes,tratando-se de uma Honda CG 125, FAN KS, de cor roxa, de placa NNW 9049.

A referida moto foi conduzida para realização de procedimentos cabíveis.