Fiscalização do CRO-RN interdita eticamente consultório de UBS de Macaíba

O motivo da interdição foi por falta de biosseguranca, com a fiscalização constatando a presença de baratas mortas na sala, próximo ao gaveteiro que armazena instrumentais, além de lixeira sem pedal, pacotes de material esterilizados sem data e problemas na autoclave (aparelho de esterilização).
Fiscalização encontra baratas mortas no consultório de UBS do Loteamento Esperança, em Macaíba (Foto: Reprodução/CRO-RN)

Por CRO-RN

A equipe de Fiscalização do CRO-RN interditou eticamente nesta quinta-feira, 2 de janeiro, o consultório da UBS (Unidade Básica de Saúde) do loteamento Esperança, em Macaíba.

O motivo da interdição foi por falta de biosseguranca, com a fiscalização constatando a presença de baratas mortas na sala, próximo ao gaveteiro que armazena instrumentais, além de lixeira sem pedal, pacotes de material esterilizados sem data e problemas na autoclave (aparelho de esterilização).

A equipe ainda encontrou uma caixa de gordura em frente à porta do consultório sem vedação adequada, favorecendo o aparecimento de insetos.

A sugestão da Fiscalização do CRO-RN foi à dedetização de todo o ambiente e armazenamento adequada dos instrumentais, revisão da autoclave, além de orientação quanto ao empacotamento correto dos instrumentais esterilizados e a vedação da caixa de gordura.

O Coordenador Municipal de Saúde Bucal de Macaíba, Sérgio Siqueira, tomou conhecimento da interdição pela enfermeira da UBS, Joice Aparecida, que estava na unidade na manhã desta quinta-feira durante a visita da Fiscalização do CRO-RN e recebeu a notificação 1486.

Segundo Siqueira, as providencias para sanar os problemas detectados pela Fiscalização do CRO-RN já estavam sendo tomadas para que no menor tempo possível o consultório possa ser desinterditado.

A situação da presença de insetos no consultório odontológico da UBS do Loteamento Esperança foi denunciada ao CRO-RN no dia 30 de dezembro pelo próprio cirurgião-dentista Geraldo Maximiano Freire Neto, que também usou suas redes sociais para mostrar a situação da UBS.

O presidente do CRO-RN, Gláucio de Morais e Silva, no dia 30 de dezembro, assim que tomou conhecimento da denúncia, como o Conselho estava de recesso, acionou a Comissão de Fiscalização para visitar a UBS do Loteamento Esperança após o feriado de 1 de janeiro.

Veja mais sobre a matéria aqui.

Secretaria de Saúde divulga sobre casos de sarampo no RN

População do RN deve continuar procurando as Unidades Básicas de Saúde para receber a vacina da tríplice viral.
Foto: Reprodução/Internet

A Secretaria de Estado da Saúde Pública divulgou um novo Boletim Epidemiológico sobra os casos de sarampo no Rio Grande de Norte. De acordo com o relatório mais dois casos da doença foram confirmados, passando para seis o total já registrado no Estado. O número de casos notificados é 85, dos quais 52 foram descartados e 27 permanecem em investigação.

Os casos confirmados são de duas pessoas do sexo masculino, um com 30 anos, de Natal, e o outro com 29 anos residente em Parnamirim. O paciente de  Natal teve contato com o homem de 54 anos, primeiro caso de sarampo no Estado registrado em julho deste ano e que teve histórico de viagem a São Paulo. Já o homem de 29 anos teve o caso notificado em setembro, também após viagem à cidade paulista.

Os outros, já confirmados e divulgados anteriormente pela secretaria, foram uma criança de 6 anos, do município de Macaíba, uma criança de 1 ano e 6 meses, residente no município de Tibau do Sul – em ambos os casos a fonte de infecção ainda está em investigação –, e de uma mulher de 19 anos, do município de Extremoz que também teve contato com o senhor de 54 anos.

Imunização

A confirmação dos dois novos casos é um alerta importante para que a população do Rio Grande do Norte continue procurando as Unidades Básicas de Saúde para receber a vacina da tríplice viral.

Para ampliar a atualização da caderneta vacinal, o Ministério da Saúde deu início à Campanha Nacional de Vacinação contra o sarampo. Até o momento, o Estado tem cobertura vacinal de 73,43% em crianças de um ano – recentemente, o ministério modificou a forma de cálculo da cobertura.

A partir do dia 18 de novembro, começa a etapa para adultos na faixa etária de 20 a 29 anos de idade, que ainda não atualizaram a caderneta de vacinação. O “Dia D” está marcado para 30 de novembro.

A doença

Sarampo é uma doença infecciosa grave, causada por um vírus. Sua transmissão ocorre quando o doente tosse, fala, espirra ou respira próximo de outras pessoas. Qualquer indivíduo que apresentar febre e manchas no corpo (exantemas) acompanhado de tosse, coriza ou conjuntivite deve procurar os serviços de saúde para a investigação, principalmente aqueles que estiveram nos 30 dias anteriores em viagem a locais com circulação do vírus. Casos suspeitos devem ser informados imediatamente às Secretarias Municipais de Saúde.

A mais efetiva forma de prevenção é a vacinação. Para ser considerada vacinada, a pessoa precisa ter o registro em caderneta de vacinação conforme esquema vacinal.

Walfredo Gurgel recebe novos equipamentos para identificação de pacientes

Metodologia para segurança do paciente foi adotada pela unidade desde 2017.
Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel (Foto: ASCOM/HMWG)

Governo do RN/ASSECOM

O Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel recebeu nessa sexta-feira (20) duas novas impressoras para confecção de pulseiras de identificação dos pacientes internados. A entrega foi feita pelo Núcleo Estadual de Segurança do Paciente da Secretaria Estadual da Saúde Pública (Sesap) à Coordenação do Núcleo de Segurança do Paciente (NS) do Walfredo Gurgel. Os equipamentos já estão instalados no setor de internamento e começam a operar com total funcionalidade a partir da segunda-feira(23).

Além do Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel também já foram beneficiados: Hospital João Machado, Hemonorte e Hospital Regional Deoclécio Marques de Lucena, em Parnamirim. Outros serviços de saúde que também serão contemplados com as impressoras, serão: Hospital Giselda Trigueiro, Hospital Regional Dr. Mariano Coelho (Currais Novos), Hospital Regional do Seridó (Caicó) e Hospital Cleodon Carlos de Andrade (Pau dos Ferros).

Confeccionadas em polipropileno, na cor branca, as pulseiras são impermeáveis (resistentes a água, sabão, álcool e outros materiais abrasivos), de longa durabilidade, antialérgicas e com 29cm de comprimento, as pulseiras contem impressas informações imprescindíveis, como: nome completo do doente (sem abreviatura),a data de nascimento e o número da Ficha de Internação e Alta(FIA).

“A segurança do paciente é uma das ferramentas mais importantes para se possa prestar uma assistência de qualidade. Equívocos na identificação de um paciente, podem ocorrer desde a admissão até a alta. E é justamente para impedir que estes erros aconteçam que implantamos esta politica, desde 2017, garantindo assim, uma maior segurança do paciente”, explica a coordenadora do NPS do Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel, Amanda Carvalho.

SAMU 192 RN recebe 12 ambulâncias do Ministério da Saúde

Com os novos veículos a frota do serviço de urgência passa a ser de 50 viaturas.
Foto: SESAP/ASSECOM RN

Governo do RN/ASSECOM

O Rio Grande do Norte recebeu, do Ministério da Saúde, 12 ambulâncias para renovação da frota do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência e Emergência (SAMU 192 RN). Os veículos serão utilizados como Suporte Básico (USB) e Avançado (USA) na Região Metropolitana e bases descentralizadas no interior do estado e entram em operação a partir desta sexta (13).

Com os novos veículos a frota do SAMU 192 RN passa a ser de 50 viaturas, sendo 28 de Suporte Básico, 08 de Suporte Avançado, além de 14 ambulâncias para backup.

Mais de 700 profissionais atuam no serviço que possui 21 bases descentralizadas em todo o estado, além de uma base central, em Macaíba e uma Central de Regulação Médica. Em 2018 o SAMU 192 RN atendeu a 94.613 ocorrências em todo o estado.

Hermano realiza Audiência Pública sobre prevenção ao suicídio e políticas públicas de saúde mental

O referido evento terá a presença do professor Dr.Quirino Cordeiro Júnior, que atualmente é Secretário Nacional de Cuidados e Prevenção às Drogas, vinculado ao Ministério da Cidadania. Ele vai proferir uma palestra que trará informações e dados sobre as políticas públicas em execuções no país referente as drogas no Brasil.

O deputado estadual Hermano Morais será o propositor de Audiência Pública relativa a prevenção ao suicídio, conhecido com Setembro Amarelo. Além disso, serão debatidas políticas públicas sobre drogas no Brasil e no Rio Grande do Norte. As discussões estão marcadas para acontecer na próxima terça-feira (10), a partir das 14h, no Plenário Cortez Pereira, na Assembleia Legislativa.

O referido evento terá a presença do professor Dr.Quirino Cordeiro Júnior, que atualmente é Secretário Nacional de Cuidados e Prevenção às Drogas, vinculado ao Ministério da Cidadania. Ele vai proferir uma palestra que trará informações e dados sobre as políticas públicas em execuções no país referente as drogas no Brasil.

Todos os anos cerca de um milhão de pessoas morrem por suicídio no mundo e ocorrem entre 10 a 20 milhões de tentativas de suicídio por ano. Por cada pessoa que morre, outras vinte tentam o mesmo caminho. A Organização Mundial de Saúde (OMS) estima que o suicídio é a 13ª causa de morte no mundo, sendo uma das principais entre adolescentes e adultos até 35 anos.

Saúde confirma casos de sarampo em mais 7 estados; DF tem infectados

Secretaria confirmou três casos que não entraram na contagem nacional
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Agência Brasil

O Ministério da Saúde divulgou, em seu último boletim, que mais sete estados tiveram casos confirmados de sarampo: Pernambuco, Goiás, Maranhão, Rio Grande do Norte, Espírito Santo, Sergipe e Piauí. A Secretária de Saúde do Distrito Federal também divulgou uma nota que confirma que três pessoas foram infectadas pelo vírus na unidade federativa.

O boletim epidemiológico do Ministério da Saúde divulgado trouxe a atualização mais recente da disseminação do sarampo no país, tomando o período de 19 de maio a 19 de agosto, mas não incluiu o DF. Foram confirmados 1.680 casos. Mais 7.487 estão em investigação e 1 mil foram descartados após análise.

Além das oito unidades da Federação, Rio de Janeiro, Bahia, Paraná e São Paulo tiveram casos confirmados na edição anterior do boletim, com dados até o dia 12 de agosto. O surto é fortemente concentrado em no estado de São Paulo, responsáveis por 1.662 casos, 98,9% do total, com ocorrências em 74 municípios.

Depois de São Paulo vêm Rio de Janeiro (6 casos), Pernambuco (4) e o Distrito Federal (3). Os demais estados possuíam, até ontem, apenas um episódio confirmado cada um. São Paulo é o principal foco, com cadeias de transmissão a partir dos 74 municípios onde há informação de circulação do vírus.

Bebê morre por falta de transporte médico no RN; motorista de ambulância é preso, diz Polícia Civil

Segundo a Polícia Civil, o servidor será indiciado por homicídio, já que ele teria se negado a fazer o transporte de uma gestante que necessitava de um atendimento de emergência.
Foto: Reprodução/Internet

Blog do Elinho Promoções

Um motorista de ambulância de 33 anos foi preso na manhã desta sexta-feira (2) na cidade de Nova Cruz, na região Agreste potiguar. Segundo a Polícia Civil, o servidor será indiciado por homicídio, já que ele teria se negado a fazer o transporte de uma gestante que necessitava de um atendimento de emergência. Com a demora, o quadro se agravou e o bebê acabou morrendo durante o parto, fato ocorrido no dia 29 de julho no hospital da cidade. A operação que cumpriu o mandado de prisão temporária foi batizada de ‘Respeito à Vida’.

“O motorista da ambulância se negou a realizar a transferência de emergência da gestante para o Hospital de São José de Mipibu, apesar da enfermeira e do médico plantonista alertarem da necessitada da imediata remoção da mulher, que precisava receber um atendimento especializado de um médico ginecologista e neonatalogista”, afirmou a assessoria de comunicação da Polícia Civil.

Governadores formalizam, em Salvador, o Consórcio Interestadual do Nordeste

Prioridades para oferta de médicos, processo único de compras, liberação de R$ 1,1 bilhão para segurança pública e Novo Fundeb.
Foto: Fernando Vivas

Governo do RN/ASSECOM

Reunidos em Salvador, capital do estado da Bahia nesta segunda-feira, 29, os governadores do Nordeste anunciaram a formalização do Consórcio Interestadual de Desenvolvimento do Nordeste e as propostas do plano de trabalho. A reunião aconteceu no auditório do Centro de Operações e Inteligência (COI), no Centro Administrativo da Bahia (CAB).

As propostas contemplam ações em várias áreas da administração, como a execução de um programa para oferta de médicos para o serviço de atenção primária com a finalidade de ampliar o atendimento de saúde nas áreas mais carentes. Os governadores apoiam a proposta do Ministério da Saúde de criar um programa de médicos para o Brasil e desejam contribuir. Para isso o Consórcio vai solicitar audiência ao Ministro da Saúde.

Outra proposta é a definição de um processo único para compras pelos estados visando reduzir custos de equipamentos e matérias nas diversas áreas da administração. Ficou definido que o primeiro registro de preços será publicado neste mês de agosto.

Integrar dados de todos os estados para organizar indicadores alinhando o planejamento e as ações do consórcio foi outra medida definida.

Os governadores trataram sobre a elaboração de uma agenda internacional em busca de parcerias institucionais e financiamentos para projetos. A primeira agenda vai contatar países da Europa, em novembro próximo.

Ainda na reunião em Salvador os governadores do Nordeste também decidiram somar esforços para melhorar a segurança pública. As prioridades são a implementação das ações prevista no Sistema Único de Segurança Pública (SUSP), através de ações conjuntas no combate ao crime e à violência. Os governadores querem que o Governo Federal libere os recursos do Fundo Nacional de Segurança Pública que hoje tem retido R$ 1,1 bilhão.

Na Carta de Salvador, documento que registra as suas propostas, os governadores ratificam a defesa do pacto federativo a aprovação imediata das regras do Novo Fundeb e os pontos já relacionados na Carta de São Luís.

Secretaria de Saúde renova estoque de soro antirrábico e antibotrópico

Sesap orienta a população para os cuidados necessários para prevenção de acidentes com peçonhentos e animais que podem transmitir o vírus da raiva.
Foto: Reprodução/Internet

Governo do RN/ASSECOM

A Secretaria de Estado da Saúde Pública informa que recebeu do Ministério da Saúde, na última semana, uma nova remessa de soro antirrábico, suficiente para 66 atendimentos em adultos, e de soro antibotrópico – utilizado em casos de picadas de jararacas -, para 16 atendimentos graves.

Novamente, a Sesap orienta a população para os cuidados necessários para prevenção de acidentes com peçonhentos e animais que podem transmitir o vírus da raiva. Importante ressaltar que todos os alertas emitidos, nos últimos dois meses, consistem em medidas preventivas para evitar novos acidentes tendo em vista a situação nacional vivenciada de estoque crítico e desabastecimento dos soros.

Prevenção de acidentes com animais peçonhentos

– Evitar acúmulo de lixo ou entulhos que possam atrair ratos (um dos principais alimentos das serpentes) ou outros pequenos animais;

– Não colocar as mãos desprotegidas em buracos e cupinzeiros, folhas secas, monte de lixo, lenha, palhas etc.;

– Usar luvas de couro ao manejar locais onde as serpentes possam estar presentes, tais como matas, tocas, troncos e lenhas árvores;

– No amanhecer e no entardecer, evitar a aproximação da vegetação muito próxima ao chão, gramados e jardins, pois é nesse momento que serpentes estão em maior atividade;

– Usar sapatos fechados de cano alto ao andar e caminhar na mata ou entre folhas secas.

Prevenção de acidentes com animais que podem transmitir a raiva

– Evite o contato com animais silvestres como saguis e raposas

– Ao encontrar um morcego caído ou morto, não toque no animal

– Cães ou gatos que forem encontrados em contato com morcegos devem ficar em isolamento

– Não faça contato com cães e gatos de rua

Em caso de dúvidas e mais informações, basta entrar em contato com o Centro de Assistência Toxicológica, por meio do 0800 281 7005 ou 98803-4140 (whatsapp).